← Voltar à página principal do "Utilizar o Fedora".

Robyn, Mercante da Comunidade

Robyn Bergeron é uma mãe de Flagstaff, Arizona, com experiência em pesquisas de mercado. Ela usa o Fedora para preencher as suas necessidades de computação do dia-a-dia e usa-o no seu trabalho de marketing para o Projecto Fedora - que inclui apresentações em conferências. Saiba como ela o faz neste chat!

Robyn Bergeron

De onde é?

Vivo actualmente em Flagstaff, Arizona; passei a maior parte da minha vida em Phoenix, que é cerca de duas horas a sul de onde estou, e cerca de 1500 metros mais baixo. As pessoas perguntam sempre porque estou a mandar 'pazadas' de neve no inverno, quando moro no Arizona - muito poucos percebem que também temos um ambiente de grande altitude, repleta de pinheiros e uma estação de esqui :)

Qual é a sua profissão?

Geralmente refiro-me a ele como "engenheiro doméstico" ou "deusa doméstica" - noutras palavras, uma dona de casa. Eu estive nesse papel por cerca de 7 anos, antes disso, tinha vida como analista de pesquisa de mercado, um analista de negócios a fazer marketing estratégico, e também sou um sysadmin em recuperação.

Qual é o seu nick no IRC? Sempre que ele vem?

'rbergeron' - não muito emocionante :)

Quando soube do Fedora pela primeira vez?

À muito tempo atrás, quando começou, não me envolvi activamente até que descobri o grupo de marketing à um pouco mais de um ano atrás na página join.fedoraproject.org, entrei para a lista de discussão, e fiquei encantado ao descobrir que haviam saídas para todo o conhecimento que tinha construído ao longo dos anos - a escrita, o material de sysadmin e do curso de marketing e estratégia.

Pode-nos contar sobre uma das maneiras de usar o Fedora?

O Fedora, na verdade vai de encontro a uma série de necessidades em minha casa. Outras formas significativas para outros usos é no meu trabalho como uma plataforma de desenvolvimento; a minha filha, que tem oito anos, adora usar o GIMP para fazer imagens, Cheese para tirar fotos sem fim com a webcam, e o Firefox para fazer alguns dos seus trabalhos de casa relacionados com sítios web; o meu filho, que tem seis anos, também adora os jogos online, mas é especialmente apaixonado com o jogo do SuperTux, que é uma reminiscência de um determinado jogo com dois encantadores italianos a quem todos nós conhecemos e amamos. :)

Para mim, o Fedora reúne muitas das minhas necessidades do dia-a-dia, eu uso o Firefox para verificar meu email na web, o bloco de notas para fazer listas de tarefas intermináveis, Empathy e Pidgin para me manter em contacto com as pessoas através de vídeo e mensagens instantâneas. Para alguns dos trabalhos que faço no Marketing Fedora, tenho tudo o que preciso - o irssi para conversar on-line no IRC, o Firefox para acompanhar o trabalho de wiki que precisa acontecer para cada lançamento, e faço bom uso do Open Office para fazer apresentações para conferências.

Como usa o Fedora para desenvolver e dar as suas apresentações?

Eu, principalmente, uso o OpenOffice Impress - faz tudo o que eu preciso fazer. Ocasionalmente uso o Inkscape para fazer diagramas de puxar, especialmente se pretendo reutilizar somente o diagrama para fins de não-apresentação - Eu sou um grande fã de ter que fazer as coisas uma vez, e a compatibilidade para poder puxar os diagramas para o OO para uma apresentação é, definitivamente, uma vitória para mim.

Onde consegue modelos para suas apresentações?

A partir de um número de lugares, eu usei apresentações antigas do Fedora dadas por outras pessoas e que estão devidamente licenciadas e que emprestaram os seus designs de diapositivos. O OpenOffice também tem uma fartura de modelos contribuídos pela comunidade para todos as suas aplicações, incluindo o Impress, e eu uso o sítio frequentemente para encontrar novos modelos. O meu favoritos agora, porém, é o modelo criado pela Fedora-design-team.

De onde vai buscar os clip-art para as suas apresentações?

Eu costumo usar o Open Clip Art Library, é muito fácil pegar as imagens e adicioná-los para à galeria de clip-art do OpenOffice.org. Ocasionalmente, também uso imagens ou fotos que eu acho que estão devidamente licenciadas - a função de pesquisa no site do Creative Commons é muito boa para isso.

Tem alguma dica para partilhar para tornar as apresentações impressionantes usando o Fedora?

Primeira - Gosto de dar palestras sobre o Fedora enquanto estiver a usar o Fedora, para que as pessoas possam ver o quão versátil ele é. Segunda - Gosto sempre de me familiarizar com qualquer situação que vou apresentar antes de fazê-lo - Gosto de ter certeza de que os cabos do projector são apropriados para a minha máquina. Uma das coisas formidáveis do OO Impress é a capacidade de ter as notas no ecrã do meu portátil e ter os meus diapositivos a serem mostrados no projector - ele realmente ajuda-nos a ser mais organizados para o futuro, e realmente ajuda um pouco durante a apresentação, bem como a certificar-se de que está a falar sobre o que está a ser projectado, sem ter que olhar para trás. É muito mais fácil manter o contacto visual com seu público desta maneira, também.

Se eu tiver um colega de trabalho que não usa o Fedora ou o OpenOffice.org, eles podem abrir os ficheiros da minha apresentação?

Claro que sim! Eu costumo achar que guardar a apresentação num formato .pdf funciona melhor - especialmente nos casos em que as pessoas possam não ter o Open Office ou qualquer outro software de apresentação instalados. Pode também guardar as apresentações no formato .ppt, se souber que o destinatário está a usar "o outro" software de apresentação.

Pode falar-nos sobre uma apresentação recente que deu usando o Fedora?

Claro! Eu falei recentemente sobre marketing na comunidade no Ohio LinuxFest no início de Setembro - falando sobre as maneiras que o marketing pode ser feito de forma aberta, transparente numa comunidade FOSS, grande ou pequena. Acho que a melhor parte da apresentação foi realmente passada a falar sobre como as apresentações são uma óptima maneira de fazer marketing - e até mostrou o quão fixe era que eu estar a usar um modelo projectado pela comunidade para a minha apresentação real.

Obrigado, Robyn!

← Leia mais entrevistas com os utilizadores do Fedora.